Veterinária » O que saber antes de ter um animal de estimação

Bem começo tentando ajudar as pessoas têm o sonho de adquirir um animalzinho de estimação, o que para muitos se tratam apenas de um simples animal, não que não o seja, para outros se tornará um verdadeiro amigo e companheiro para todas as horas, mas, para que este não se torne um fardo nas vidas de quem os adotou ou comprou, eis que me sinto na obrigação como profissional da área em colocar aqui pontos muitos essenciais antes de tomar esta decisão tão importante, tanto para o sonhador, quanto pelo amigo-cão ou gato adquirido.

Primeiramente devemos nos perguntar se temos tempo suficiente para dedicar a estes “seres” tão adoráveis e companheiros. Sendo esta resposta afirmativa, pensemos que os mesmos precisam de espaço e claro, espaço proporcional a cada raça, em especial. Vejamos como exemplo nosso cão tão gentil, terno, manso, sensível e afetuoso, o Dog Alemão. Este mede cerca de 72 a 80 cm de tamanho e pode pesar de 50 a 70 kg, tem aptidão para guarda e companhia, um cão esportivo, precisa de espaço e de exercícios, sendo a rigor até podem viver em apartamento se puder se beneficiar de saídas diárias para se exercitar frequentemente, ou um tão meigo, calmo e alegre o Shih tzu que mede cerca de 26 cm de tamanho e pode pesar de 4,5 a 8 kg, o mesmo e utilizado para companhia e guarda. Constantemente necessita ser levado a um Pet Shop para ser devidamente lavado, hidratado e escovado, pois este tem pelagem longa, o mesmo não ficaria com suas características preservadas se residisse num quintal sobre sol, chuva e fortes ventos como num sitio livre e solto pelos arredores. Pois sim, precisamos escolher nossos amiguinhos pelas características do lugar onde moramos, nossos hábitos diários e a que finalidade os mesmos vão se destinar (não sei se incluo essa parte ou se finalizo com: ... pelas características do lugar onde moramos.).

Outra questão importantíssima seria custos em tê-los como: ração de boa qualidade, levá-los ao veterinário logo aos 45 ou 60 dias de nascidos para que se inicie o programa de vacinação, que deve ser seguido mensalmente por três meses consecutivos, sendo uma dose da múltipla (também chamada de “óctupla” ou “déctupla” em cãezinhos e a “quádrupla” em gatinhos) por mês sendo a anti-rábica apenas após o quarto mês de vida coincidindo com a terceira e última dose. As mesmas se fazem necessárias para que seu amigo fique livre das doenças que os acometem e que muitas delas podem levar a óbito.

Claro amigos,  lembro sempre que nossos amáveis cãezinhos e gatinhos precisam de assistência veterinária ao longo de suas vidas, pois ao contrário do que se acha, eles sentem dor e podem adoecer assim como nós.

Por último preciso lembrar que hoje a expectativa de vida destes tão adoráveis seres por nós amados está entre 12 a 16 anos podendo chegar a 20 anos.

Espero ter ajudado a tirar algumas dúvidas e até a próxima edição!

Dra. Daniele Ferreira Milione
Médica Veterinária
Graduada U.F.Rural.R.J.(2005)
Pós Graduada pelo Quallitas : (2009 em Clínica e Cirurgia de Pequenos Animais)
Univiçosa (2013 em Cirurgia de Pequenos Animais)
Contato: (32) 98815 3142
E mail: danielemilione@Yahoo.com.br

Comentários neste artigo

 

Portal Oclick. De bem com a Vida!
Todos os direitos reservados.
Acesso Rápido:
iSoluçõesWEB